Gastronomia sustentável: 6 Dicas infalíveis para colocar em prática

 em Alimentos e Bebidas, Restaurantes

Quando falamos de alimentação é preciso ter em mente que a sociedade está passando por um processo de conscientização profunda. Antes desprezados pelo público em geral, alimentos desperdiçados vêm sendo reutilizados de diversas formas e estabelecimentos alimentares que não aproveitam sobras ou partes de alimentos correm o risco de sofrer “sanções punitivas por parte de sua clientela”. A gastronomia sustentável é uma realidade e é preciso se adaptar a ela.

Chefs renomados de todo o mundo, tais como Jamie Oliver e Gordon Ramsay, por exemplo, fazem questão de ressaltar o uso de ingredientes de maneira integral em seus programas de TV.

No artigo de hoje vamos te mostrar o que é a gastronomia sustentável, dicas simples para colocá-las em prática e como seu estabelecimento pode ganhar de todos os lados com ela.

Vamos conferir?

 

O que é gastronomia sustentável 

Na prática, a Gastronomia Sustentável se utiliza de alimentos naturais e nutritivos, bem como a inserção de práticas sustentáveis nas atividades gastronômicas de cozinhas comerciais, tais como a redução do desperdício de alimentos, diminuição na produção de resíduos, proteção e utilização consciente de produtos em risco de extinção e valorização da agricultura familiar dando total apoio a pecuária sustentável.

A gastronomia sustentável propicia ainda mudanças na gestão operacional de um estabelecimento, tais como logística, ciclo de produção, uso de energia, destino de resíduos, coleta seletiva.

Mas como ser mais sustentável em seu estabelecimento? É o que vamos te mostrar no próximo tópico.

 

Os benefícios da gastronomia sustentável para o seu estabelecimento 

Colocar a gastronomia sustentável em seu estabelecimento pode trazer uma série de benefícios. Os principais são:

  •       Aproveitamento integral dos alimentos;
  •       Opções de novos pratos;
  •       Diminuição de desperdício e consequente aumento de lucro;
  •       Fidelização e ganho de novos clientes que buscam um planeta mais sustentável;
  •       Garantia de uma economia mais circular.

 

6 dicas para colocar a gastronomia sustentável em prática 

Confira agora, 6 dicas simples e mais do que eficazes para que seu estabelecimento seja mais sustentável do ponto de vista gastronômico.

 

  1. Utilização inteligente de sobras alimentares 

Todo estabelecimento alimentar lida com sobras. Algumas não podem ser utilizadas, contudo, outras podem ser usadas de maneira criativa e higiênica sem nenhum reflexo negativo para os clientes. Vejamos alguns exemplos.

O vinho ou até mesmo a cerveja que sobram nas garrafas, podem ser utilizados no preparo de molhos, por exemplo.

O que sobrar de tomates, por exemplo pode ser utilizado para produção de catchup caseiro, ou molhos que podem ser congelados e durarem mais tempo

Outra opção é se antecipar a datas de vencimento. Carnes que estão próximas da data de validade em estoque podem ser transformadas em embutidos e defumados, que duram meses a fio. A mesma lógica se aplica às frutas que podem ser transformadas em geleias ou compotas.

 

  1. Adequação de porções 

Uma reclamação relativamente comum e coerente é a falta de fartura nos pratos. Embora possa soar estranho, a explicação para isso é um tanto quanto coerente: quanto maior a porção, maior a probabilidade de desperdícios.

Não é preciso “regular” comida para os clientes, mas como base no próprio aprendizado da rotina do seu estabelecimento é sempre possível aumentar ou reduzir as porções em cada prato com base no que os clientes consomem. Tudo o que sobra, é muitas vezes desperdiçado e isso pode ser evitado.

 

  1. Preparo consciente 

Todo alimento possui partes e usar todas essas partes, ainda que em preparos distintos é a grande chave da gastronomia sustentável.

Limões, por exemplo, tem seu sumo usado para sucos e molhos, mas podem ter sua casca utilizada como raspas em diversos pratos e doces, seu bagaço pode ser usado para produzir defumações.

Carnes e proteínas possuem ossos e gorduras que normalmente são descartados no preparo. Entretanto, esses componentes podem ser usados para a produção de caldos e molhos, ou até mesmo sopas.

 

gastronomia sustentáveis dicas

 

  1. Cultivo local 

Caso seu estabelecimento permita, oferecer algum preparo de ingredientes cultivados no local é um grande diferencial, assim como um enorme passo rumo à gastronomia sustentável.

Mesmo em restaurantes com espaço reduzido ou em ambientes mais urbanos, é possível manter pequenas hortas verticais e vasos com temperos frescos.

Essa prática muda a imagem do seu restaurante. Comece com ervas que você usa de modo mais frequente no restaurante e evolua para temperos mais aromáticos, que podem inclusive modificar a atmosfera do seu estabelecimento.

 

  1. Utilize produtos e tenha pratos sazonais 

Para uma gastronomia sustentável é preciso também saber aproveitar o melhor do meio ambiente. Todos sabem que frutas, legumes e verduras são colhidos ou apresentam maior produção em determinadas épocas do ano.

Ter cardápios de verão e inverno alinhados com os produtos mais abundantes dessas estações é algo que reduz custos com insumos, mantém a qualidade dos seus pratos e agrada os clientes.

Consultar as épocas para cada alimento e montar cardápios fixos e rotativos é algo que vem crescendo em restaurantes Brasil afora.

 

  1. Compre de fornecedores locais 

E por último, mas não menos importante, é necessário ter em mente que a sustentabilidade começa na região em que seu estabelecimento opera.

Assim, tente buscar fornecedores locais, reforçando o vínculo com a produção que você atende, eliminando ao mesmo tempo a necessidade de gerenciamento de estoques complexos que são um convite ao desperdício.

 

Buscar ajuda profissional é fundamental na hora de aplicar a gastronomia sustentável 

Embora não seja algo tão complicado de se aplicar, a gastronomia sustentável é uma prática que requer preparo prévio tanto para os proprietários de um estabelecimento, assim como para os colaboradores.

Novas formas de manipulação, adoção de boas práticas, fluxo de compras são alguns exemplos de ações que sofrem alterações quando essa forma de atendimento é colocada para funcionar.

Dessa maneira, buscar ajuda profissional é fundamental na hora de aplicar a gastronomia sustentável em seu estabelecimento.

Com profissionais únicos e experientes e apontada pelos clientes como uma das melhores empresas de consultoria alimentar, a All Feed possui conhecimento profundo em gastronomia sustentável.

Para seu restaurante virar referência, e você colher todos os benefícios desse “modus operandi” conte com a All Feed.

Solicite um orçamento gratuito através desse link!

Com a All Feed seu estabelecimento será referência em gastronomia sustentável. 

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

Setor A&B Hotéisdoação de comida lei
×

Powered by WhatsApp Chat

× Como posso te ajudar?